terça-feira, 21 de janeiro de 2014

Dia d'O Diabo

1 comentário:

  1. Existe pessoal que insiste numa CEGUEIRA MILITANTE... vou ter que fazer um 'desenho':
    - já há vários anos que venho divulgando o legítimo Direito à Monoparentalidade em Sociedades Tradicionalmente Monogâmicas... e... a minha mensagem tem sido sistematicamente bloqueada pela comunicação social.
    .
    A superclasse (que domina a comunicação social) ambiciona dividir/dissolver identidades para reinar...
    ---» Hoje em dia, muitos homens das Sociedades Tradicionalmente Monogâmicas se quiserem ter filhos... vão ter que 'levar' com mulheres fragilizadas economicamente oriundas de outras sociedade...
    .
    .
    NOTA:
    Já tenho dito isto montes de vezes:
    i) tal como acontece com muitos outros animais mamíferos, duma maneira geral, as fêmeas humanas são 'particularmente sensíveis' para com os machos mais fortes...
    ii) nas Sociedades Tradicionalmente Poligâmicas apenas os machos mais fortes é que possuem filhos;
    iii) no entanto, para conseguirem sobreviver, muitas sociedades tiveram necessidade de mobilizar/motivar os machos mais fracos no sentido de eles se interessarem pela preservação da sua Identidade... de facto, analisando o Tabú-Sexo (nas Sociedades Tradicionalmente Monogâmicas) chegamos à conclusão de que o verdadeiro objectivo do Tabú-Sexo era - tendo em vista melhorar a luta pela sobrevivência - proceder à integração social dos machos sexualmente mais fracos; ver o blog «http://tabusexo.blogspot.com/».
    -> Com o declínio do Tabú-Sexo (como seria de esperar) a percentagem de machos sem filhos aumentou imenso nas sociedades tradicionalmente monogâmicas.
    -> Mais, por um lado, muitas mulheres vão à procura de machos de maior competência sexual, nomeadamente, machos oriundos de sociedades tradicionalmente Poligâmicas [nestas sociedades apenas os machos mais fortes é que possuem filhos, logo, seleccionam e apuram a qualidade dos machos]... por outro lado, muitos machos das sociedades tradicionalmente Monogâmicas vão à procura de fêmeas Economicamente Fragilizadas [mais 'dóceis'] oriundas de outras sociedades...

    F.Rui.A.Rosa

    ResponderEliminar