segunda-feira, 13 de maio de 2013

Romance internacional


"O Lobo Antunes e o Saramago não estão a escrever para vocês nem para mim. Estão a escrever uma coisa género 'standard', que é o romance internacional. (...) Como sabem que vão ser traduzidos, têm de fazer uma linguagem o mais corrente possível, mais linear, mais badalhoca."

Luiz Pacheco
in "Jornal de Letras", de 24 de Setembro de 1997.

Sem comentários:

Enviar um comentário